sexta-feira, 11 de novembro de 2011

JESUS, O SOL DA JUSTIÇA!

JESUS, O SOL DA JUSTIÇA!

"Mas para vós, os que temeis o meu nome, nascerá o sol da justiça, trazendo salvação nas suas asas; e vós saireis e saltareis como bezerros da estrebaria". Ml 4:2

Dias de paz, de Presença, de certeza, de Amor e adoração.
Sem palavras, momentos de estar Contigo, de reconhecer a Tua fidelidade, Tua provisão, dia após dia, caminhando, aprendendo, amando ainda mais Aquele que me amou primeiro e me trouxe até aqui.
Momento de relembrar cada passo, uma caminhada que mirou cada alvo, confirmando que tudo, tudo, tudo, está no controle de Tuas mãos.
Existe uma música "pra variar" que marcou minha vida dizendo assim: Tente lembrar quantas vezes Jesus te abandonou...
Oh Deus, nunca, nunca, nunca me abandonastes, Obrigada!
Tua graça é bem melhor do que a vida.
(por marly burity dialectaquiz)
Nos chamamos pelo Teu nome
Somos Teu povo e nos humilhamos a Ti
Buscamos a Tua face
Dos céus escuta o nosso clamor
Perdoa os nossos pecados
Vem restaurar nossa nação
Estamos desesperados
Por um avivamento
Jesus, és o Sol da Justiça
Jesus, és a luz deste mundo
Nasce sobre nós
Trazendo cura em Tuas asas
Jesus, a esperança, a estrela da manhã
És o Sol da Justiça
Nasce sobre nós
Trazendo cura em Tuas asas
Ouvidos surdos escutarão
Os olhos cegos enxergarão
Os pais aos filhos
Os filhos aos pais
Se converterão (Sara as famílias. Sara a nossa nação)
SOL DA JUSTIÇA ,

3 comentários:

  1. Uma cama amarrotada pela passagem do amor
    Lençóis que aprisionam o calor
    Suspiros espalhados pelo chão
    Uma imagem santificada sustenta o louvor

    Uma pecadora ungida pela chuva
    A sorte e a morte em bravata eterna
    As ave marias que uma boca vomita
    Para no céu ser, clemente a sua pena

    Já não há xailes negros na ilha
    Já ninguém liga a agoiros
    O mar continua açoitar a costa
    Deixando despojos, tesouros

    Bom domingo

    Terno beijo

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Suspiros espalhados pelo chão
    Uma imagem santificada sustenta o louvor

    Uma pecadora ungida pela chuva
    A sorte e a morte em bravata eterna..

    AMEI..

    ResponderExcluir