sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Eu me permito ser vida Para outra vida,....


Eu me permito amar

E ser amada
Permito-me ter desejos
E me sentir desejada

Eu permito entregar-me
E me sentir entregue
Eu me permito desnudar-me
E ser desnudada

Eu me permito ser vida
Para outra vida
Eu me permito ser alma
Para outra alma

Eu me permito cantar na madrugada
E aceito serenatas em noite de lua
Eu me permito ter você
E sei que me sente sua

Eu me permito...

Você!

Rô .
https://www.facebook.com/comunidadeclairedelune


Nenhum comentário:

Postar um comentário