segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

drenagem linfatica ...saiba um pouco a respeito

uma técnica de massagem que estimula o sistema linfático a trabalhar em um ritmo mais acelerado, mobilizando a linfa até os gânglios linfáticos, esse processo elimina o excesso de líquido e toxinas. A drenagem linfática podepode ser aplicada de forma manual ou por meio de uma modalidade recente, a eletroestimulação. Ela é aplicada com movimentos de pressão leve, suave, rítmica, lenta e precisa, muita gente acha que a Drenagem Linfática é dolorida.
Muitas pessoas acham e perguntam: tem que doer para funcionar ?
Não. A finalidade da drenagem é coletar os líquidos presos entre as células, colocá-los nos vasos capilares e, por meio de variados movimentos suaves, fazê-los caminhar para que sejam eliminados. Por isso mesmo, a massagem deve ser rítmica, a massagista não aplica muita pressão, já que a linfa corre na superfície da pele e seu fluxo é relativamente lento e precisa ser respeitado. Assim, não há a necessidade de manobras que provoquem dor ou desconforto.
A idéia é essa técnica seja inclusive relaxante, trazendo o bem-estar, o que acontece é que os locais com inflamação ou cicatrizes recentes podem estar mais sensíveis.
.......,










A celulite se dá quando as células de gordura presentes em nosso organismo aumentam seu volume em líquido, através da obesidade e do sedentarismo. Com o aumento do tamanho das células de gordura, há a compressão das células nervosas (por isso que em graus elevados a pessoa sente dor), dos vasos linfáticos e dos vasos sanguíneos, havendo um acúmulo exacerbado de líquido no local (edema). Para tentar deter esse edema e sustentar as células de gorduras aumentadas, o organismo manda fibras colágenas ao local, que ao tentar encapsular o edema forma nódulos, dando a pele o aspecto de "casca de laranja".

A celulite também pode aparecer por fatores hormonais (o estrógeno, hormônio feminino, pode agir nos vasos, contraindo-os e formando edema), ou quando os vasos linfáticos recebem substâncias nocivas vindas do sangue, como por exemplo, a uréia. Os tecidos do local se retraem e prejudicam o a passagem dos líquidos, formando o edema.




A água tem uma importante participação das funções do organismo, garantindo o transporte de nutrientes para dentro das células, além de auxiliar a eliminação de toxinas e regular a temperatura através do suor. O termo hidratação se refere à quantidade de líquidos mantidos no organismo. Depois do oxigênio, a água é o fator principal para manter o equilíbrio e a funcionalidade do organismo. Desde a infância até a velhice nós temos uma perda na retenção de água do nosso organismo.

A hidratação deve ser feita de dentro para fora, ou seja, através da ingestão de água e de alimentos hidratantes. Entretanto, o uso de produtos tópicos devem ser usados para o aumento da retenção da água na camada superficial da pele. O uso de hidratantes se dá pela necessidade de manter o nível de hidratação da pele, seja por aumentar a quantidade de água do local ou para manter o volume hídrico existente.

Esse hábito não só retarda o envelhecimento, mas protege a pele de agressões externas, como as mudanças climáticas, a poluição, o estresse e os maus hábitos. Um hidratante bem formulado pode reabastecer os hidratantes naturais das camadas da pele. Outro fator positivo do uso do hidratante é que ele diminui o espaço entre as células da epiderme, fazendo com que a pele fique mais macia e rejuvenescida.

A FLACIDEZ..
A flacidez é o nome dado ao enfraquecimento das fibras colágenas e elásticas que sustentam os tecidos do organismo, fundamentais pela sustentação das partes moles do corpo, apoiando e ligando um tecido a outro. Pode ocorrer na pele ou na musculatura. O processo de enfraquecimento ocorre de forma natural podendo também sofrer influências genéticas, como o excesso de sol, sedentarismo, alimentação inadequada, fumo, gravidez, obesidade e distúrbios hormonais.

Pode ser muscular, quando ocorre a perda do tônus muscular e tem como principal causa o sedentarismo, falta de exercício físico e alimentação inadequada. A flacidez também pode ser de pele e deve-se a perda de elementos do tecido, como fibroblastos, colágeno e elastina, diminuindo a firmeza entre as células, "afrouxando" a pele. Em consequência, a pele fica caída e com aspecto envelhecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário